Um lugar para escrever sobre coisas no geral

Uma das maiores certezas que eu tenho sobre mim mesmo e que, de certa forma, me trouxeram para o ponto da vida onde eu estou hoje é que eu sempre gostei da sensação de saber que outras pessoas lêem as coisas que eu escrevo. Esse exercício de auto-conhecimento começou na semana passada quando, do nada, me deu saudade de ter um blog. Obviamente eu tuitei sobre isso imediatamente porque é assim que eu funciono.

A ideia de recomeçar um blog do zero sem um plano editorial e movido 100% pela vontade de dizer coisas ficou martelando a minha cabeça por dias, e eu tive tempo de sobra para revisitar todos os meus blogs antigos e relembrar como cada post que eu já escrevi me levavam imediatamente para aquele momento da vida, e me enchiam de um orgulho bobo que começava no “olha só como eu evoluí como ser humano!!!” e teminava no “olha como o Vitor de 17 anos já escrevia direitinho!!!!”. Então aqui estou eu, começando mais um projeto que vai me demandar tempo (que eu não tenho) e disposto a falar sobre a minha relação com blogs (e com a internet no geral).

Leia mais